Cidade não é problema. Cidade é solução

maio 11, 2008

Atenção, este blog foi migrado para: http://brunopereira.org

Este fim de semana vi mais um vídeo muito interessante no TED. O vídeo em questão foi uma apresentação do Jaime Lerner, sobre como transformar e melhorar cidades. A frase título do post é de autoria dele.

Eu já conhecia o trabalho que o Jaime Lerner fez em Curitiba, mas sem tantos detalhes. Assistir à sua apresentação falando das idéias por trás dessa reestruturação da cidade foi muito interessante. Eu já falei anteriormente que estou muito desanimado com o Rio de Janeiro, e desejo morar em Curitiba no futuro de médio prazo.

Lerner falou de algumas coisas muito importantes na organização das cidades atualmente. A necessidade de um transporte público de qualidade é gritante. Curitiba conta com uma rede de transportes muito eficiente, com ônibus do tipo “sanfona”, que comportam mais de 200 passageiros. Além disso os pontos de ônibus foram projetados para se encaixar com os ônibus, fazendo com que os pontos sejam semelhantes a paradas de metrô. Isto certamente contribuiu para um trânsito muito mais eficiente do que temos no Rio de Janeiro e em São Paulo, e facilita muito a vida das pessoas. Além disso, reduz bastante a poluição, pela diminuição de carros em circulação.

Outra coisa interessante que ele mencionou foi o sacrifício que muitas pessoas têm que fazer nas grandes cidades por morar muito longe do local onde trabalham ou estudam. Isto toma muito tempo diariamente das pessoas e somando-se isso ao cansaço, não sobra tempo para muita coisa. Aqui no Rio conheço algumas pessoas que fazem verdadeiras maratonas diárias. O Aspira (estagiário da minha equipe) passa cerca de 6 horas por dia se deslocando, pois todos os dias vai para a faculdade, estágio e então para casa, e todos os trechos são longos. Isto é o tipo da aberração que ocorre bastante em cidades grandes com trânsito complicado, e certamente prejudica bastante as pessoas.

Para finalizar, ele comentou que Curitiba é a cidade onde mais se faz coleta seletiva de lixo no mundo, com mais de 70% do lixo sendo corretamente separado. Como ele conseguiu isso? Focando bastante atenção da campanha nas crianças, que logo aprendiam este novo processo e então educavam os seus pais. Muito inteligente e muito educativo.

Pouco depois de assistir à apresentação, fui descobrir que a idéia do “Metrô na superfície” no Rio surgiu em uma consultoria que ele prestou à cidade/estado em 2006. Sem dúvida é uma boa idéia e tem ajudado no controle do tráfego intenso que temos.

Os paranaenses tiveram a felicidade de contar com o Jaime Lerner como prefeito de Curitiba por 3 vezes e como governador do Paraná por 2 vezes. Sua contribuição para a evolução do estado foi enorme, e certamente a prosperidade oriunda do seu governo é responsável por fazer de Curitiba a cidade onde pretendo morar.

Infelizmente isso me traz também à cabeça uma lembrança triste. A incrível sucessão de administrações corruptas e incompetentes que temos no Rio nas últimas 2 décadas transformou nossa cidade querida em um lugar caótico. Um palco de batalhas sangrentas do crime contra a polícia. Um lugar onde a educação está em uma situação péssima (enquanto Curitiba é a melhor cidade do Brasil em educação). Um lugar onde a dengue está atacando com cada vez mais força. Onde já foi alertado que o mesmo mosquito trará também a febre amarela. Onde o trânsito está caótico e o custo imobiliário está absurdo.

Vamos torcer para que no futuro um milagre nos envie alguém como o Jaime Lerner para salvar o Rio de Janeiro. Enquanto isso eu continuo meus planos para me mudar para Curitiba, por onde ele já passou.

Anúncios